sábado, 23 de outubro de 2010

Violência na Escola e as Reações Interativas



Uma profissão que exige vocação e, acima de tudo, determinação. Assim pode ser definida a inclinação para o trabalho docente. No entanto, nos últimos anos, esta carreira vem sofrendo com uma série de problemas, como a desvalorização, a baixa remuneração e, até mesmo, ameaças aos professores, com a crescente violência no ambiente escolar. 
Leia a entrevista com o ex-secretário de educação de São Paulo, professor e membro da Academia Paulista de Letras e da União Brasileira de Escritores, sendo autor de 39 livros, Gabriel Chalita. O educador fala sobre os fatores que o levaram a escolher a profissão e passa uma mensagem de esperança aos docentes. Acesse: http://www.gabrielchalita.com.br/midia_int.php?id=206
Agora, responda: qual o papel das reações interativas em relação aos aspectos abaixo:


·         Aspectos cognitivos da interação
·         Aspectos sócio-emocionais
·         A disciplina na classe

29 comentários:

  1. A disciplina na classe.
    iris 4 pedagogia

    O professor não pode esquecer que dentron sala de aula, ele e fundamental mas tem que se manter no papel de facilitador, do e não o de sabe sabe-tudo, pois ele e como os alunos,que devem estar em busca de um aprendizado cintínuo,para poder estar preparado,com conhecimento novo a cada dia, incentivar a análise crítica, a troca de experiências e de conhecimentos, a discussão,dentro da sala de aula,a ainteração entre docente e discente e fundamental pra diminuir a violência escolar.

    ResponderExcluir
  2. Nos aspectos cognitivos da interação entre professor e aluno as reações interativas propõe um papel de maior relação participativa no processo de ensino e aprendizagem possibilitando um papel docente e discente com troca de conhecimentos, com métodos participativos, diversificação de conteúdos e estratégias, propostas de desafios, comparações voltado sempre em direção atenta às diversidades dos alunos, estabelecendo-se assim uma significativa interação direta entre eles.

    O papel das reações interativas entre docente e discentes nos aspectos sócio-emocionais proporciona um ambiente e relações que facilitem a auto-estima e auto-conceito do aluno junto ao professor e a sociedade, promovendo, ainda,uma quebra de barreiras com a facilidade de comunicação, potencializando assim a autonomia desse aluno.

    O papel das reações interativas com respeito aos aspectos da disciplina nas salas de aula,essa possibilita uma integração das ações do docente com o aluno, com aplicação de um planejamento prático e transparente de um plano de aula com normas, direitos e deveres impostos pela escola, adaptados às necessidades dos alunos, levando-se em conta suas opiniões e contribuições no inicio e durante as atividades escolares.

    ResponderExcluir
  3. A PROFISSÃO DE PROFESSORA,EXIGE AMOR E DETERMINAÇÃO,O EDUCADOR TEM QUE SER COMPROMISSADO,PARA NÃO SER SO MAIS UM PROFISSIONAL NA SOCIEDADE.E TEM QUE ESTA APTO AOS NOVOS DESAFIOS,BUSCANDO COMPREENDER A REALIDADE SOCIO-CULTURAL DE SEUS ALUNOS,PARA QUE POSSAM JUNTOS TER UM DIALOGO,PARA QUE HAJA MAIS ENTENDIMENTO DE SEUS DISCENTES.


    ADRIANA LELIS 2 PERIODO PEDAGOGIA

    ResponderExcluir
  4. O educando tem que tornar-se um pesquisador, pois o professor tem que sempre ir em busca de algo a mais para seus alunos e fazer com que os conhecimentos adquiridos possa enrriquecer o aprendizado do educando.
    A emoção chega a tornar-se um aspecto abrangente de tudo, pois devemos ter prazer em ministrar as aulas, e reconhecer que é gratificante nis tornarmos seres educadores na vida de uma criança. Atraves da disciplina que é um aspecto fundamental em sala de aula, e fazer com que o educando perceba, que existe disciplina na educação.
    FRance Helen Pereira, 3º Periodo de Pedagogia.

    ResponderExcluir
  5. O professor como mediador assume o papel principal no pequeno mundo dos educandos rodeados de tecnologias, sua interação auxilia na transformação da informação para o conhecimento onde seu cognitivo esta fluindo a todos os níveis o que ajudará nesse processo é a relação afetiva de ambos.
    Na diversidade cultural em que se encontra na escola e sendo seu primeiro momento de se socialização em um ambiente necessitando exclusivamente o professor que o encaminhará para novos espaços, no contrário suas habilidades e capacidades diminuirão no seu processo de ensino aprendizagem. Por isso, que o saber lidar com os alunos ajuda na realização dos variados trabalhos metodológicos.
    O ser professor não pode rodear-se em um único recurso, até mesmo porque no mundo em que vivemos possuímos de riquíssimas alternativas para que o conteúdo, a compreensão e principalmente a disciplina no momento de ensinar seja bastante satisfatória, o que vai dependerá muito da atitude o educador.
    Geosane Franco da Silva
    3º Período de Pedagogia - FSDB
    Didática II

    ResponderExcluir
  6. O educador é um fazedor de amanhãs.
    Portanto caberá a ele forma pessoas poblematizadores, investigadores,pessoas capazes de estar e agir no mundo em que vivemos, transformando-o.

    A afetividade é um sentimento que auxiliar muito no trabalho docente, principalmente quando se trata da formação de pessoas,pois irá facilitar um dialogo e a auto confiança já que as pessoas no geral se sentem seguras ao lado de pessoas que nos respeitam e demonstram carinho.

    A disciplina em sala é muito importante e o professor terá que mostrar suas facetas, ou seja, seu leque de conhecimento e muita criatividade propocinando uma aula criativa para agradar seu publico.

    Sendo assim, o educador deverá estudar afundo teorias e práticas de aprendizagem para poder postar-se a frente dos tempos e oferecer ao aluno o que há de melhor.

    Adriana Cordovil
    3º"A"Pedagogia

    ResponderExcluir
  7. educando e formando crianças, adolescentes e jovens, é importante frisar que as influências culturais não são recebidas passivamente pelos sujeitos, na medida em que o indivíduo internaliza de modo ativo e singular, os valores morais transmitidos a eles e que são incorporados ou que formam a identidade desses indivíduos. Em outras palavras, segundo Rego (2007) o comportamento (in) disciplinado é aprendido, ninguém nasce rebelde ou disciplinado, o comportamento indisciplinado não resulta de fatores isolados como, por exemplo, exclusivamente da educação familiar, influência da TV, da falta de autoridade do professor, da violência da sociedade atual, mas da multiplicidade de influências que recaem sobre a criança e o adolescente ao longo do seu desenvolvimento. De modo geral a indisciplina é uma constante nas salas de aula, tornando-se um obstáculo no processo ensino-aprendizagem, prejudicando o exercício da função docente e o aproveitamento dos conhecimentos por parte dos alunos envolvidos. De fato, a questão da indisciplina necessita de uma reflexão urgente e coletiva, e cabe a nós educadores buscarmos caminhos, começando por analisar os conceitos "O que é indisciplina?” e "Qual disciplina se deseja conquistar

    ResponderExcluir
  8. Uma realidade vivida ultimamente é buscar o processo cognitivo dos alunos, para que sua compreensão possa vir demonstrar seu fator de entendimento nas diversas atividades propostas no seu processo de aprendizagem e no crescimento educacional escolar, muitos alunos precisam experimentar uma ação, para que seu processo cognitivo possa ser despertado para estabelecer uma relação necessária nas suas atribuições. Com isso cada aluno precisa despertar um verdadeiro sentimento no processo de convivência no âmbito da escola e faça jus ao seu interesse na busca de novos conhecimentos, e, com certeza o professor pode contribuir bastante nesse crescimento.
    Para que seja atingido certo grau de aprendizagem, é necessário que o aluno esteja motivado e que busque através do interesse do outro e do seu próprio interesse uma relação emocional significativa no esforço dentro do conhecimento intermediado pelo professor, fator importante a ser seguido é a relação professor-aluno, juntos podem até planejar certo sentido no que se pode dizer eu aprendi porque o meu professor também aprendeu, esse fator recíproco pode tornar o emocional do aluno cada vez mais aguçado dentro de uma aprendizagem necessária.
    Algumas declarações cotidianas nos demonstram que atitudes tradicionais ainda valem apena, no sentido de ser trabalhada desde o inicio com o grupo de alunos, certas atitudes podem revelar que professor e aluno pode ter uma relação amigável, quando existe respeito e uma boa conduta por parte de ambos, o grito e o ar de autoridade por parte do professor pode causar certos transtornos e incentivos a indisciplinas, não é que o professor seja bonzinho demais e que não tenha autoridade, mas a mesma não pode ser exposta sem equilíbrio e que venha causar uma certa empatia dentro da sala de aula. Pela experiência que tenho vivido na sala de aula junto aos alunos adolescentes, tem me comprovado que: grito, autoritarismo e certa arrogância, jamais vão unir corações em nome da razão e bons costumes. Um bom papo e uma boa dinâmica ainda pode ser um bom começo para se evitar conflitos entre alunos e professor alunos.

    José Augusto Maia da Silva.
    Pedagogia 3º período – FSDB
    Didática II

    ResponderExcluir
  9. É importante para o aluno saber que alguém se importa com ele, e ao fazê-lo perceber, criará um vinculo de confiança, respeito e afeto, essencial para o processo de ensino aprendizagem, onde os aspectos cognitivos terá um significado mais eficiente nas diversas áreas do conhecimento e do mundo; no aspecto sócio-emocional, aprenderá a trabalhar em equipe, ajudando, compreendendo e respeitando a individualidade de cada um e com isso conseguirá manter a disciplina na sala de aula, pois ao obter essa relação de confiança, respeito e afeto, terá também a admiração de seus educandos, construindo uma relação de professor/aluno mais flexível, onde todos podem aprender continuamente uns com os outros e que ninguém e detentor de todo o saber.
    Kelly Melo - Pedagogia 3º período FSDB- Didática II

    ResponderExcluir
  10. Helen Regina Andrade 3ºPeríodo Pedagogia

    Competência e Amor,palavras de Gabriel Chalita,sigo nesse pensamento,precisamos de Educadores comprometidos com a educação e amando o que se faz,nenhum profissional deve trabalhar sem AMOR,tudo que é feito precisa ter dedicação e sentir prazer no que faz.Somos desvalorizados,mas precisamos ir em busca de melhores condições,não podemos cruzar os braços e esperar. O futuro está em nossas mãos,devemos fazer um bom trabalho para que possamos mudar o amanhã,temos que INSTIGAR,REINVENTAR,somos alma,somos o coração,temos que plantar nossas sementes para que nossas crianças tenham um futuro melhor.Mas para que isso aconteça precisamos ser valorizados,com salários dignos,infelizmente somos desvalorizados,mas a intenção dos políticos é justamente de não melhorar a educação e continuem dominando as pessoas que não possuem pensamentos crítico formado.

    ResponderExcluir
  11. O papel das reações interativas é de grande importância para a educação.
    No aspecto cognitivo é necessário o educador trabalhar a compreensão e interpretação de textos estudados para uma melhor visão de mundo, levar o conhecimento e ao mesmo tempo a troca de conhecimentos.
    No aspecto sócio- emocional, o professor deve conhecer o contexto social de seus alunos e conhecer a relação afetiva familiar que contribui para o aprendizado contínuo, pois o estado emocional da criança seundo Gabriel Chalita é muito marcante e doloroso para a sua relação escolar.por isso é importante o trabalho em equipe pa o desenvilvimento interativo e social.
    Quanto a disciplina na Classe, deve haver sim de forma respeitosa, pois faz parte de um comportamento sociável.
    É claro que Gabriel Chalita nos convida a refletir sobre a Pedagogia do amor, deixando uma mensagem de esperança a todos que são vocacionados a ensinar.

    Ana Moreira 2 Ped

    ResponderExcluir
  12. Oi professora!

    Se faz necessário em se tratando do aspecto cognitivo, que o professor tenha métodos diversificados para estimular o educando a desenvolver suas capacidades, já no aspecto social e emocional o professor deve desenvolver o hábito de conversar com seus alunos (embora nossas responbilidades como docente, muitas vezes nos impeçam disso)conhece-lo melhor, para que tendo noção da realidade do educando ele possa, auxiliar este educando de alguma forma.
    Quanto a disciplina na clase, ainda acho que o respeito mútuo é o melhor condutor para a disciplina...

    Jorge Luís
    2º Período de Pedagogia

    ResponderExcluir
  13. Apesar desses fatores que implicam nesta profissão,não podemos nos deixar demostivar, afinal de conta somos formadores de opiniões e transformadores de uma nova sociedade.
    Então acretido que a motivação do professor é como uma válvula mestra que irá colocá-lo em ação diante de grupo de pessoas diferentes entre si.Seu grande desafio é coordenar o ensino de conceitos, proporcionando ambiente de curiosidade que desperte seu educando para novas descobertas do e si mesmo.
    Se sou um professor que proporciono um ambiente agradável certamente, terei a admiracão e respeito do meu público.

    ResponderExcluir
  14. A didática consiste uma interação entre o professor e o aluno visando o conhecimento, habilidades e atitudes adquirio no cotidiano.
    Trabalhar com a mente humana é preciso que o professor seja capaz de se realizar todos os aspectos emocionais numa inter-relação com o aluno.

    Aidê Matos Costa
    3º Período de pedagogia
    Didática II - FSDB

    ResponderExcluir
  15. Boa noite professora
    Eu penso que, para que o aluno tenha um bom desenvolvimento cognitivo e preciso que o professor tenha um compromisso com a sua profissão, porque, eu acredito que sem esse comprometimento pela parte do professor, o aluno jamais vai conseguir alcançar seus objetivos, temos observado que poucos professores tem o interesse em interagir com os alunos e isso causa uma perca da parte de quem está em aprendizagem e nunca vai desenvolver um senso critico para viver em sociedade. O aspecto emocional e um problema muito grave nas nossas escolas, com isso tem surgido muitas violências, principalmente pela parte do professor, muitos professores hoje vivem stressados e cheios de problemas tanto na sua família como nas escolas, então o professor precisa usar muito bem seus conhecimentos e métodos para conviver com essa situação de violência, o professor precisa aprender a lidar também os problemas dos alunos, muitas vezes eles não tem atenção em casa por parte dos pais e acaba transferindo seus problemas nas escolas e na rua, vivendo com outros grupos de jovens. O professor não precisa ter medo de colocar disciplina na sala de aula, ele só precisa aprender a conviver com os alunos, procurando conhecê-los e depois fazer um trabalho para que a indisciplina não venha prejudicar a relação entre alunos e professores.
    Aldeneide A. Bandeira.
    3º período de pedagogia
    Didática II

    ResponderExcluir
  16. Na interação Professor-Aluno, a escola enquanto instituição educativa desempenha um papel fundamental, sendo palco das diversas situações que propiciam esta interação principalmente no que tange sua dimensão social, a qual prepara o individuo para a convivência em grupo e em sociedade. As relações afetivas que o aluno estabelece com os colegas e professores são grande valor na educação, pois a afetividade constitui a base de todas as reações da pessoa durante a vida. Sendo assim, as dificuldades afetivas provocam desadaptaçoes sociais escolares, bem como pertubações no comportamento, o cuidado com a educação afetiva deve caminhar a lado com a educação intelectual. "A afetividade é quem direciona todos os nossos ato. Ela é na verdade, o elemento que mais influência na formação do nosso caráter."
    O que faz com que um professor tenha domínio e uma classe e consiga o êxito na aprendizagem e outro não? As reações dos alunos são determinados pela postura do professor em sala de aula? Na busca de estratégias para o enfrentamento para a indisciplina e o fracasso escolar, professores estão cada vez mais desmotivados para continuar na árdua tarefa de educar. Por outro lado, percebe-se também as falhas na formação de muitos professores, que chegam á escola sem da a mínima noção de domínio de turma, e numa tentativa desesperada de conseguir a simpatia dos aluno se tornam permissivo demais, e perdem o lugar d autoridade na escola. Portanto, é com tentativas de aproximações com a família, buscando criar espaços de diálogos, buscando ressignificar a educação para que ela tenha sentido para o aluno, criando espaços de discussão onde a lei possa ser refletida e entendida como uma ferramenta favorável ao professor, exercendo pressão para que políticas publicas sejam criadas buscando uma educação de qualidade, e principalmente, o professor assumindo realmente seu papel, resgatando o sentido da tarefa educativa, fazendo com que todos compreendam o conhecimento como instrumento de transformação... que estaremos sim, prontos para sermos vistos novamente em nossa essência, acreditando na possibilidade de desenvolver a cidadania, e contribuir para uma sociedade mais justa e solidária.

    2.Período

    ResponderExcluir
  17. Ao falar em educação temos que ter em mente a grande responsabilidade que posteriormente iremos assumir,uma vez que,o professor é uma pessoa que trabalhará com varias clientela.
    É necessário que se disponha a conhecer seus alunos de maneiras variadas para uma compreensão cognitiva, onde terá que trabalhar a compreensão, interpretação desse alunado e verificar de que forma esse sujeito chegou até a escola,quais são as sua mazelas sócio-emocional,uma vez que, interfere demais no processo de ensino-aprendizagem.Portanto,a partir daí o educador fará sua disciplina em classe valer à pena pois, saberá dosar perfeitamente seus atos independente dos conflitos que a profissão possa ser para algins mestres.
    Bjs: DIONETH 100% GATA- 2° PERÍODO.

    ResponderExcluir
  18. O papel das reações interativas é significativo, a medida em que professor e aluno trocam conhecimento e crescem juntos e buscam estar sempre atentos a novas mudanças.Outro fator importante é quando o professor procurar conhecer seus alunos e busca através de seu papel de mediador, mostrar que se importa e se preucupa com sua formação, e estar disposto a apoiá-los em situações difíceis.
    Com relação a disciplina vale ressaltar que é importante que o professor busque sempre enriquecer suas aulas para que desperte interesse de seus alunos e estes motivados procurem participar ativamente e não fiquem dispersos buscando outras distrações, e cabe ao professor ter habilidade para manter a turma ocupada sem tempo para ficarem ociosos.

    Sônia 2pedagogia

    ResponderExcluir
  19. O professor precisa gostar da profissão e ter vocação,porque as dificuldades vão ser grandes pela frente. O docente precisa da contribuição dos pais para que haja a aprendizagem. E ser um professor ativo elaborando atividades que os alunos possam a participar desenvolver os seus conhecimentos,não deixando constragido os alunos,o docente como mediador logo no inicio propociona as regras para que haja respeito ambos lado em sala de aula.

    Katia Leitão dos Santos
    Pedagogia 3º periodo FSDB
    Didática II

    ResponderExcluir
  20. Para realizar todo um processo educacional em uma sala de aula tenho que conhecer os educandos, saber a sua realidade e o seu processo historico, sem esquecer dos seus conhecimentos prévios.
    Um professor nao é o detector de todo o saber e sim estimulador de conhecimento. tem que haver bastante diálogo entre educador e educando, para então fazerem trocas de experiência, professores crecem conjuntamente e com os alunos poderão construir o processo ensino e prendizagem.
    Os educandos assim como nós mesmos,tem vida, emoção, interisses e vontade própria. Temos que aproveitar os sentimentos e interesses dos educandos, para criar neles a vontade de se auto-educar.
    Se contribuirmos para que os alunos se sintam importante, não só ele mas todos, que fazem parte do processo educacional.Isto é, tomados em consideração, reconhecidos e estimulados, conceguiremos realizar com mais agrado o desenvolvimento educacional.
    Estamos vivendo em uma sociedade multicultural, de muitas variedades e mudanças. Conhecendo tudo isso poderei com mais confiança por na minha prática enquanto educador.
    LUCINEIA BARROS
    3°PERÍODO PEDAGOGIA

    ResponderExcluir
  21. Quem escolheu esta profissão com certeza deve gostar dela até mesmo ter amor pelo que faz, todos dias vemos o quanto se torna difícil ser professor, mas devemos superar todas as dificuldades e obstáculos, com apropria motivação, criativedade, espirito de equipe e ter compromisso
    RAQUEL DE CASSIA ped.3

    ResponderExcluir
  22. O país luta contra a violencia, mais nunca ele vai acabar, pois muitas das vezes a violência acontece até mesmo em uma palavra que sem querer falamos. Cabe a nós seres humanos saber o que falamos e ante de fala pensar, porque tudo depende de nois, a nossa atitudi ela dever ser refletida varias vezes. Assim o professor tem que ser em uma sala de aula, pois tudo dependerar de suas atitudis.

    ResponderExcluir
  23. Acabe ao professor ser reflexivel, e ante de tomar atitudes ele deve pensar antes de tudo em sua profissão, a violencias é contante nas salas de aulas, e como podemos passa a paiz para a joventude de hoje. A mar em primeiro lugar e Deus e depois só orar para tudo dar certo.

    ResponderExcluir
  24. boa tarde profe!

    hoje em dia professores com novas pespectivas de ensino com valores novos intrínsecos ao processo ensino aprendisagem como a impotancia dos aspectos cognitivos da interação a relação professor aluno aluno aluno professor deve esta totalmente adequada ao ensino sendo que sempre o prefessor deve esta como lider em sala de aula .para poder lidar com a interacão total em sala com seus alunos ,mantendo possivelmente a disciplina no que convem a uma sala de aula .

    luciane paes 2 período

    ResponderExcluir
  25. Adnrea A falta de amor ao proximo,a exposição da violencia na televisão,internet e em varios meios de comunicação e falta dos valores eticos da familia te aberto espaço para uma violencia que esta chegando rapidamente a escola, a falta de limite dos pais que cada vez se desprocupam mas com a disciplina dos filhos vem gerando grandes conflitos dentro das salas de aulas chegando ate a agressão fisica.a soluçaõ para esses problemas seria o dialogo entre instituições,pais e alunos mostrando aos mesmos que a violência so ger violência.

    ResponderExcluir
  26. o prfessor deve tomar todos os cuidaso possiveis com seus alunos ,ele deve ser o primeiro a amr e respeitar ,a violencia em sala de aula e a mais pura falta de amor do professor por suas profissoes.

    ResponderExcluir
  27. keite lidya 4 priodo o professor na sala de aula ele tem que ter puso ser firme mas tambem não pode ser estupido enginorante tem que gostar de esta na sala de aula procura ajudar o seu aluno se for nessesario tem existir o amor pelo o que esta fazendo

    ResponderExcluir
  28. Bom dia professora.
    A interação é muito importante na atividade entre aluno e professor. A troca de conhecimento ajuda ambas as partes a aprender cada vez mais. Sobre a violência que está invadindo as salas de aula, creio que tudo começa dentro de casa. A desestruturação das famílias que se observa em nossa sociedade reflete no comportamento da criança, uma vez que ela assimila rapidamente tudo que acontece ao seu redor.
    Compete aos educadores em geral avaliar as circunstâncias sociais que levam o aluno a apresentar comportamentos incompatíveis com a sala de aula, bem como agir com austeridade e complacência moderadas na manutenção da ordem e da disciplina que devem ser preservadas no ambiente escolar para o benefício desse universo social.
    Luciane Filgueiras, 2º período de pedagogia.

    ResponderExcluir